Pe. André Araújo fala sobre sua missão na Unicap

Novo integrante da comunidade jesuíta no Recife (PE) busca diálogo intercultural

A comunidade jesuíta da Unicap (Universidade Católica de Pernambuco) tem um novo integrante: é o mineiro da cidade de Nova Lima, André Araújo. Há alguns dias no Recife (PE), o jesuíta já alimentou as melhores perspectivas para a sua missão no Nordeste. “A Unicap está inserida num verdadeiro mosaico cultural. É uma universidade localizada numa capital estratégica do Nordeste e que promove um diálogo intercultural muito interessante.” No dia 18 de setembro, padre André presidiu sua primeira missa na Capela da Unicap acompanhado também por outros companheiros jesuítas e dando início a suas atividades junto à comunidade acadêmica.

A busca pela troca de saberes interculturais faz parte da identidade acadêmica do jesuíta. Formado em Letras Português-Espanhol pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), ele fez mestrado e doutorado em Teoria Literária pela mesma instituição. Aceitou o desafio de escrever a sua tese em uma Comunidade Vocacional dos Jesuítas, em 2008, preparando-se para ingressar na Companhia de Jesus, no ano seguinte. Logo depois de defender a tese, trilhou o caminho de formação jesuíta estudando Filosofia na FAJE (Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia) e no Centre Sèvres de Paris (França), onde formou-se em Teologia. Padre André colabora, ainda, com a revista científica Teoliterária, da PUC-SP (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo), na correção e submissão de artigos científicos, além de participar de eventos promovidos pela Associação Latino Americana de Literatura e Teologia – Alalite.

Durante o período do Magistério (etapa preparatória vivenciada em uma das missões jesuítas entre os estudos de Filosofia e Teologia) foi desenvolvido em São Paulo, em duas obras da Companhia de Jesus: no Centro MAGIS Anchietanum e no Museu e na Igreja do Pateo do Collegio, lugar que deu origem à capital paulista.

A busca de padre André por promover e participar de diálogos interculturais passa também pelas atividades do Instituto Humanitas Unicap – IHU. Ordenado presbítero há pouco mais de um mês, sua missão também contemplará a atuação pastoral. Nos finais de semana, ele vai ajudar na paróquia jesuíta do Sagrado Coração de Jesus, de Águas Compridas, em Olinda (PE).

 

Fonte: Unicap (Recife/PE)