Pe. Geraldo Luiz De Mori é o novo reitor da FAJE


Novo reitor (à dir.) discursa em sua cerimônia de posse

O padre Geraldo Luiz De Mori é o novo reitor da FAJE (Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia). O jesuíta substitui o padre Álvaro Mendonça Pimentel, que assumirá novas atividades e desafios na reitoria da PUC-Rio (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro), no próximo mês.

A cerimônia de posse do novo reitor aconteceu no dia 5 de março, durante a abertura do Ano Acadêmico, que teve ainda, Celebração Eucarística presidida pelo bispo auxiliar de Belo Horizonte (MG) e reitor da PUC Minas, dom Joaquim Mol, e aula inaugural com a filósofa, escritora e professora da USP (Universidade de São Paulo), Marilena Chauí, sobre o tema Democracia: a criação de direitos.

No evento, diante de um auditório lotado, com a presença de alunos, professores, funcionários e amigos da FAJE, padre Álvaro agradeceu a todas as pessoas que colaboraram com sua missão à frente da instituição nos últimos anos.

Em seu discurso, padre Geraldo, que até agora respondia pela Diretoria do Departamento de Teologia e pela Coordenação da Pós-Graduação em Teologia, saudou e agradeceu o companheiro jesuíta, pelo trabalho realizado, e fez uma análise do momento em que se encontra a FAJE, inserida em uma sociedade que vive um momento complexo, e que se vê diante de vários desafios, tanto em seu ambiente interno, quanto no contexto externo, a serem enfrentados com disposição, união de esforços e coragem.

O NOVO REITOR

Geraldo Luiz De Mori é bacharel em Filosofia (1986) e Teologia (1992) pelo Centro de Estudos Superiores da Companhia de Jesus – CES – (Belo Horizonte/MG), atual FAJE; licenciado em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (1990); mestre (1996) e doutor (2002) em Teologia pelo Centre Sèvres – Facultés Jésuites de Paris (França); pós-doutorado pelo Institut Catholique de Paris. É professor titular no Departamento de Teologia da FAJE, e, até assumir como reitor, era diretor do Departamento de Teologia e Coordenador da Pós-Graduação no mesmo Departamento.

O jesuíta dedica-se à pesquisa e ao ensino da Antropologia Teológica e da Escatologia Cristã, com projetos de pesquisa nas duas áreas. É líder do Grupo de Pesquisa As interfaces da cristologia e da antropologia na teologia contemporânea. Publicou, em 2006, pelas Éd. du Cerf: Le temps, énigme des hommes, mystère de Dieu. Além disso, é um dos organizadores das obras: Teologia e Ciências da Religião. A caminho da maioridade acadêmica no Brasil (Paulinas, 2011); Religião e Educação para a Cidadania (Paulinas, 2011); Mobilidade Religiosa. Linguagens, juventude, política (Paulinas, 2012); Aragem do Sagrado. Deus na literatura brasileira contemporânea (Loyola, 2012).

 

Fonte: FAJE (Belo Horizonte/MG)