Paróquia jesuíta mostra o valor da dedicação dos leigos

Festa de Corpus Christi contou com dezenas de pessoas das pastorais

Em Fortaleza (CE), na Paróquia Cristo Rei, a semana de Corpus Christi contou com a participação de dezenas de membros de Equipes e Setores de três Pastorais – Dízimo, Familiar e Litúrgica. Durante dois dias, eles dedicaram-se a confeccionar 13 painéis do tapete de Corpus Christi, que que ocupou 35 metros da passarela da Nave Central da Igreja Matriz.

Com o tema o Ano do Laicato, o intuito era demonstrar, por meio das artes apresentadas no tapete, a presença dos fiéis leigos na Comunidade Paroquial. Imagens das logomarcas e símbolos que indicam os grupos e equipes, assim como a iconografia da Companhia de Jesus e da própria Paróquia, foram retratados.

Padre Raimundo Nonato Resende, pároco, conta que o tapete já tem mais de uma década de tradição na paróquia. “Este ano, o tapete contou com uma atuação mais artesanal, fato que foi amplamente divulgado na impressa local, tendo recebido a visita de centenas de pessoas durante o início da semana. A Solenidade Litúrgica, no dia 31 de maio, contou com cerca de cinco mil pessoas distribuídas para além da igreja e que puderam acompanhar a cerimônia por telão, no amplo salão paroquial. A procissão coroou o momento litúrgico, em um percurso de cerca de dois quilômetros, com a adesão recorde em evento desta natureza na paróquia”, explicou o jesuíta.

Para padre Resende, a festa de Corpus Christi uniu prontidão e dedicação dos leigos, com a presença massiva dos fiéis que vieram à igreja para conhecer a obra. “Este momento foi um reflexo do crescente espírito de Animação Pastoral, presente de maneira mais atuante nos últimos anos. Isto é resultado dos esforços de integração e de uma participação sistêmica nos eventos e processos desenvolvidos em ambiente edificador, uma característica da Comunidade de comunidades”, finalizou.

 

 

Fonte: Paróquia Cristo Rei (Fortaleza/CE)