Em vídeo, Papa adverte sobre os desafios que as famílias enfrentam e enfatiza a necessidade de protegê-las


Na edição de agosto da série O Vídeo do Papa (acima), Francisco pede aos órgãos públicos e às empresas que ajudem no desenvolvimento das famílias, protegendo-as contra alguns perigos da vida moderna. No vídeo, o Pontífice destaca a necessidade de promover uma adequada política familiar em todas as sociedades.

“Peçamos para que as grandes decisões econômicas e políticas protejam a família como o tesouro da humanidade”, argumentou o Papa. “O ritmo de vida atual, o estresse, a pressão do trabalho e, também, a pouca atenção das instituições, podem colocar as famílias em perigo”, acrescentou.

Durante 2014, a Igreja Católica realizou um sínodo extraordinário para tratar o tema da família. Entre as principais conclusões alcançadas pelos cardeais e bispos se destaca a necessidade de melhorar a preparação para o matrimônio e o envolvimento dos pais na educação dos filhos.

“Ao falar das famílias, muitas vezes me vem à cabeça a imagem de um tesouro”, ilustrou o Papa. “Não é suficiente falar de sua importância: é necessário promover medidas concretas e desenvolver seu papel na sociedade com uma boa política familiar”, acrescentou.

“O Papa Francisco dedica este mês às famílias e as compara a um tesouro. As relações familiares são tão importantes! Quando as famílias são divididas e destruídas, toda a sociedade perde. Tudo o que vem em seu apoio vem em apoio ao nosso futuro”, argumentou o padre Frédéric Fornos, diretor internacional da Rede Mundial de Oração do Papa (Apostolado da Oração) e do MEJ (Movimento Eucarístico Jovem). “Neste mês em que rezamos para que as famílias sejam protegidas, aproveitemos também para aprofundar a espiritualidade familiar, como o Papa Francisco nos propõe na Exortação Apostólica Amoris Lætitia, sobre o amor na família”, afirmou o jesuíta.

 

Fonte: Rede Mundial de Oração do Papa